Gabaritos 2009 – Ficha 1

Hellos,

Fiquei devendo o gabarito da Ficha 1 para quem não acompanhou a correção nas aulas. Apoi táqui, como diz o matuto. Divirtam-se!

Nos quatro excertos que lemos na ficha, dois apresentaram o ponto de vista a que chamamos de edênico ou positivo e dois apresentaram o pontos de vista negativo sobre o Brasil (que também podemos chamar de crítico). Foram eles o excerto da Carta do Achamento e da Mundus Novus (ponto de vista edênico) e o excerto da História da Província de Santa Cruz e da carta do Pe. Manuel da Nóbrega (ponto de vista crítico). É importante notar que o ponto de vista edênico esteve presente nos textos que foram escritos mais próximos do período inicial da colonização (1500 e 1504, respectivamente) e o ponto de vista crítico se fez notar nos textos mais tardios (1576 e um período aproximado entre 1540 e 1570). Com isso, podemos concluir que a percepção do Brasil manifesta nos textos da literatura de informação mudou conforme os interesses sobre a terra mudaram, e o mesmo ocorreu em relação ao índio. No início ele é apresentado como inocente, prestativo, cordial; depois, transforma-se em um ser maldoso, preguiçoso e violento. Conforme o índio foi se tornando um entrave para o domínio português (as tribos começaram a sentir a necessidade de defender o território que consideravam seu de direito), os conflitos com os gentios foram se instalando e ressaltar esse caráter legitimava uma mentalidade de dominação e conquista.

Os elementos ressaltados tanto no ponto de vista edênico como no ponto de vista crítico sobre o Brasil não mudaram muito nos últimos quinhentos anos. Como vimos nos clichês reproduzidos pela indústria cinematográfica internacional, o Brasil é o local marcado pela natureza exuberante, pela ausência de trabalho (preguiça), pelo caráter festivo, pela liberdade sexual e pela violência e ausência de leis. Filmes como Orquídea Selvagem, Lambada, a dança proibida, Feitiço no Rio, Anaconda e Turistas continuam, até hoje, reproduzindo impressões muito semelhantes às dos primeiros estrangeiros que aqui estiveram. Quem quiser conferir de novo esse ponto, basta voltar ao excelente documentário de Lucia Murat, Olhar estrangeiro.

Uma outra característica marcante da literatura de informação é justamente este caráter que a locução adjetiva de informação demarca. Para nos referirmos a ele é preciso especificarmos que não é uma produção literária qualquer, é uma que tem caráter marcadamente informativo. Esta ressalva é necessária porque o conceito de literatura é o de uma modalidade de arte, que se percebe pelo uso criativo da linguagem, isto é, pelo uso da linguagem em sua função poética (poiesis = criação, lembram?). E estes quatro excertos, assim como todos os da literatura de informação, não têm qualquer intenção de uso criativo do discurso, seja no campo do imaginário seja no campo formal. Seu propósito principal é informar aos governantes europeus (principalmente de Portugal) como era a terra, a natureza, a gente que encontraram e, depois, relatar o que acontecia na colônia e como ela estava sendo explorada. Daí que podemos nos referir aos escritores da época como cronistas na acepção mais específica da palavra: relatores de um tempo (cronos = tempo). Por isso mesmo podemos dizer que estes textos são testemunhos de seu tempo. Para nós, eles têm importância principalmente documental, mas não apenas. Como são os primeiros que registram o que é o Brasil, são fontes desse primeiro grande tema e das temáticas ligadas a essa identidade: a terra, a natureza e a gente brasileira.

É isso pessoas. Qualquer dúvida, gritem daí!

Beijinhos, bom feriado e sejam felizes!

5 thoughts on “Gabaritos 2009 – Ficha 1

  1. professora,a senhora enviou pra meu email o convite pra o cadastro do cronicamente in(viável)??
    não achei…passei o meu email essa semana!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s